quinta-feira, 25 de outubro de 2012

*Ouve*









Ouve o meu coração bater, deixa o mundo cair, deixa o mundo se redimir e ama-me! Apetece-me mergulhar no teu corpo, beijar a tua alma, raptar a tua consciência e consumir-te até à exaustão. Ainda não entendi porque tanto te desejo, porque razão os meus olhos tem um orgasmo sempre que te vislumbram! É a força do amor, com a chama da paixão que me faz arder com toda esta tentação que nos liga num laço vermelho sedutor feito de seda.
Vem até mim, meu amor, não te quero como cordeiro manso... quero-te como um lobo que uiva, que clama por matar a sede... quebro-te as amarras e beijo-te a boca suculosamente... o resto faremos despedidos de pudor e de roupas... faremos onde quiseres, da maneira que eu quiser... porque nós podemos, nós mandamos... E assim fazemos, rodeados de velas, de luz... a tua língua que descobre cada canto do meu corpo e que me deixa sem pensar, sem ouvir, sem falar... apenas sentir tudo o que há para sentir...


Alexandra Martinho





6 comentários:

  1. Olá Alexandra

    Um belo texto apaixonado, "caliente", sensual, um turbilhão de sensações...

    O vídeo está bem escolhido e complementa o texto na perfeição. Uma bela história de amor.

    Beijinhos


    ResponderEliminar
  2. "Apenas sentir o que está para sentir"....é grande a força do amor, Alexandra!

    Beijinho

    ResponderEliminar
  3. Ahá, afinal tu gostas de homens com pêlos nas mãos! Lobisomens é o que está a dar! :)

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  4. "É a força do amor, com a chama da paixão que me faz arder com toda esta tentação que nos liga num laço vermelho sedutor feito de seda." =) Parabens! Gostei muito!*

    ResponderEliminar
  5. Ai que aclor Alexandra :)))

    Beijinhos e bom fim de semana*

    ResponderEliminar

Façam do meu espaço o vosso espaço, ousem comentar... eu ousarei responder! :)