segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Invente, faça diferente







O país entrou em estagnação, no marasmo das mesmas conversas, atitudes, pensamentos. Já não se ousa, não se inventa, parece que não há motivação para se ser diferente... para se fazer diferente! Não se conversa, discute-se! Cada um de nós necessita incutir renovação na vida, descobrir novas actividades, novas formas de divertimento que aliviem tensões e transmitam paz... ao espirito, à mente! Inúmeras barreiras foram erguidas com origem no descontentamento de toda uma população frustrada, é hora de respirar fundo e seguir um novo caminho. Começar a partir do zero, porque o sofrimento jamais será interno.


como não aceito pessimismo, fica para hoje esta escolha musical...






Namasté


Alexandra




10 comentários:

  1. Ora cá está uma belíssima escolha musical...

    ResponderEliminar
  2. O grande problema do nosso país é que vamos mais facilmente atrás daquilo que os outros dizem, do que daquilo que sentimos. E isso, parecendo que não, faz toda a diferença.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Não é toda a gente que entende o que eu vou partilhar contigo, mas acho que todos temos muito a aprender com a crise e devíamos estar receptivos a aprender com esta nova situação, a crise é altura de mudança, altura precisamente de nos reinventar-mos, mesmo com todas as novas barreiras :)

    Um beijo grande desculpa a ausência

    ResponderEliminar
  4. É preciso reaprender que no simples esta a verdadeira forma de se reinventar a vida

    ResponderEliminar
  5. As pessoas sentem-se sem esperança, sofridas, sem saída para os seus problemas. acredita há cada vez mais pessoas que não conseguem ver sequer uma pequena luz ao fundo do túnel, completamente desesperadas e já não é só a crise e a falta de emprego e de dinheiro é sobretudo a falta de esperança no futuro. Sem esperança a vida morre.

    beijinhos Alex

    ResponderEliminar
  6. É verdade.O tema de conversa é sempre o mesmo.Crise!Já enjoa,porque agora a desculpa,é sempre a mesma.Para tudo.

    Querida Alexandra,se voltas a dizer que tens 2 metros e que AQUELE casaco da Zara te fica bem,eu vou descobrir quem és,tapo-me da cabeça aos pés e dou-te uma sova.Se for alguém com pouco mais de 1,55 já sabes quem é....EU!;)

    ResponderEliminar
  7. Einstein dizia que as crises eram alturas necessárias para a inovação e para o aparecimento de novas ideias.
    Acho que não é assim tão fácil.
    Beijinhos*

    ResponderEliminar
  8. Quando podemos fazer a diferença nesta vida, nos proprios nos limitamos ,mas e na nossa mente que encontramos as respostas para a determinaçao para realizar as mudanças na nossa vida ,porque aranjar desculpas nao nos leva a lado nenhum ,beijo

    ResponderEliminar
  9. Gosto desta ideia: ser criativo em vez de cruzar os braços e choramingar...

    ResponderEliminar

Façam do meu espaço o vosso espaço, ousem comentar... eu ousarei responder! :)