domingo, 14 de abril de 2013

*Olha*








Olha ao teu redor com atenção e verás fome... uma fome física, mental e espiritual que te faz cair na espiral dos excessos e desequilíbrios que se evidenciam na comida, no álcool, na procura desenfreada por sexo, nos relacionamentos destrutivos, nas "amizades" duvidosas. Deambulas por entre a posição de vítima e carrasco, carrasco e vítima, somente percebendo o que há a perceber quando infliges dor. É aí, na dor, que paras para pensar em ti, na tua vida, no propósito que rege a tua existência... finalmente, finalmente ouves a tua intuição, a tua verdadeira consciência.

Muitos iguais a ti mudam, outros tantos continuam a querer insistir no erro do não ser em favor do conforto ilusório que o hábito fornece. Vivem de acordo com as expectativas alheias, padrões antigos que conduzirão mais tarde ou mais cedo novamente ao sofrimento.

Vivemos na constante impermanência das coisas, por isso, cuida daquilo que é verdadeiramente importante e te faz feliz.

A vida que levas é o espelho da tua consciência! E é a vida que te mostra com as suas situações como deves separar o trigo do joio.

Vive, aprende, vive, aprende e sonha!

Um bom domingo e uma boa semana a todos!


Alexandra Martinho



7 comentários:

  1. Amiga
    Já te disse que escreves muito bem? Já, de certeza.

    Mais um texto para 5 estrelas.

    Música a condizer.

    Beijinho e boa semana, Alexandra.

    ResponderEliminar

  2. É preciso aprender a olhar.

    Boa semana e um beijo

    Laura

    ResponderEliminar
  3. Concordo absolutamento contigo ,o ser humano vive de aparencias de excessos ,mas sofre do mal do amanhecer com ele vem a resposta ,as duvidas ,aos porques de tanto sofrimento por causa de um simples momento de ilusao da vida feita sem consciencia,muitos beijinhos Alexandra

    ResponderEliminar
  4. Há fome pela arte...de saber abraçar com afetividade, seja o que for! Amei seu texto Srta! felicidades.

    ResponderEliminar
  5. Agradeço a sua passagem pelo meu cantinho.
    Gostei muito do seu texto, muito bem escrito e bem realista.
    Descreve a realidade do que vemos em nosso redor! Infelizmente são factos reais!

    ResponderEliminar
  6. É isso mesmo. A vida espelha-nos aquilo que somos. :)

    Beijinhos e boa semana

    ResponderEliminar


  7. Concordo, plenamente contigo, e muitas pessoas não querem olhar. A tomada de consciência de si próprios…é dura e custa aceitar.

    Beijinhos e boa semana
    Susana

    ResponderEliminar

Façam do meu espaço o vosso espaço, ousem comentar... eu ousarei responder! :)