quarta-feira, 14 de agosto de 2013

'O Poder do Elogio'





"Em certas pessoas, o alegrar-se com um elogio é apenas uma delicadeza do coração - e precisamente o contrário de uma vaidade do espírito."

Nietzsche


A isto apenas devo acrescentar que anda meio mundo esquecido do que é essencial e outro meio com queixumes, esquecem coisas básicas e simples a que um dia mais tarde irão dar o devido valor. Não é para mim admiração a existência de pessoas deprimidas, afinal de contas a crise é desculpa para tudo e mais alguma coisa... não há quem elogie, não há quem enalteça as qualidades de alguém. Depois querem, depois querem amor!


Continuação de uma boa semana para todos!



Alexandra Martinho





5 comentários:

  1. O essencial hoje em dia está tão deturpado. Amor? O que é?!

    Beijinho e bom feriado :-)

    ResponderEliminar
  2. Muitos problemas seriam resolvidos se o ser humano tivesse a humildade de reconhecer o seu amor pelo outro ,conseguir olhar sem maldade seria certeza um mundo bem melhor ,muitos beijinhos

    ResponderEliminar
  3. O queixume, as críticas parecem ser mais fáceis de manifestar. E há tantas pessoas – até no meio político – que merecem ser enaltecidas.

    ResponderEliminar

  4. Falaste em elogios que tanto escasseiam. Acrescento um simples obrigado/a, que é difícil arrancar às pessoas.

    Beijo

    Laura

    ResponderEliminar
  5. Por vezes um simples elogio dá um sorriso e alegra o dia a muita gente :) É sempre bom ouvir coisas boas

    ResponderEliminar

Façam do meu espaço o vosso espaço, ousem comentar... eu ousarei responder! :)