quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

'A criar paraísos ou infernos?'





As nossas escolhas, atitudes, palavras e emoções são potenciais criadores de situações ambíguas em que o espaço envolvente é a simples materialização daquilo que existe no nosso interior.
Se dentro de ti existe o pessimismo, a acomodação, a avareza, a manipulação é isso que semeias por onde passas. Porém, se nesse interior existe tudo aquilo que consideras benéfico para a boa vivência do ser humano, não tens com que te preocupar. A vida a seu tempo trará aquilo que humildemente desejas.

É preciso confrontar sem o objectivo de magoar. Saber dizer sim e não na hora certa para que mais tarde não haja arrependimento.
"Cegos", demasiados "cegos" num mundo que insiste viver às escuras. Embora caia na repetição, valorizem os afectos e os laços que vão construindo. Não somos eternos, nada é eterno e a prova disso tem nome: morte!








6 comentários:

  1. E é por a morte ser uma realidade mais ou menos eminente que devemos, durante a nossa estadia por cá, semear o que de bom há em nós para que possa florescer e assim tornar a nossa existência e a dos outros, um pouco mais feliz.

    ResponderEliminar
  2. Pior que o cego e aquele que ve e não quer ver ,morte uma certeza absoluta desde o dia que nascemos ,a vida e apenas uma passagem breve e cheia de adversidades cabe a nos seres humanos ditos inteligentes fazermos a nossa própria historia que um dia terá fim ,nesse dia que possamos olhar para tras e ver que a nossa passagem não foi em vao mas sim gratificante para nos e para quem nos rodeou ,que a semente de cada dia se renove para que dela brote o mais lindo fruto que e o amor .Muitos beijinhos Alexandra

    ResponderEliminar
  3. Texto a valer 19 pontos.
    Música ... 15.

    Beijinhos e bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  4. "Se dentro de ti existe o pessimismo, a acomodação, a avareza, a manipulação é isso que semeias por onde passas". Assino por baixo.

    Beijinho. Alexandra :)

    ResponderEliminar
  5. Sim, Alexandra, valoriza os afectos é a mais sábia decisão!
    Beijinhos

    ResponderEliminar

Façam do meu espaço o vosso espaço, ousem comentar... eu ousarei responder! :)