sábado, 7 de novembro de 2015

A resiliência da Alexandra










Sempre ouvi dizer que as adversidades aguçam o engenho e, talvez, seja por isso que não sou capaz de baixar os braços continuando a alimentar e concretizar os meus sonhos. Continuo a caminhar na estrada, aquela estrada que é só minha e onde vou-me cruzando com algumas personagens. A imagem que hoje apresento é fruto do meu trabalho e daqueles que me têm ajudado. Sim, não devo esquecer os seres que me têm dado a mão nesta cruzada.


Agora é a minha vez!


Desejo a todos vós um bom fim-de-semana.


Alexandra







4 comentários:

  1. Não deixa de ser irónico, vencer adversidades a produzir doces e apetitosas framboesas.
    Só há um caminho: em frente, Alexandra!

    ResponderEliminar
  2. E é com essa força, esse acreditar, essa esperança, empenho e sobretudo muito trabalho que se chega a bom porto, neste caso...a framboesas que até me fizeram crescer águas na boca. Parabéns e segue sempre o teu sonho.

    Um bom fim de semana

    ResponderEliminar
  3. Quem semeia colhe ,mas nada se tem sem o fruto do trabalho árduo com certeza ,desejo-lhe muitas felicidades nesse lindo caminhar concretizando todos os seus sonhos ,especialmente junto das pessoas que mais ama ,beijinhos feliz fim de semana.

    ResponderEliminar
  4. Essa caixa de framboesas é muito convidativa. Cheira-me que o futuro é bem capaz de dar frutos para esses lados. Aliás, tenho a certeza :)

    Framboesa, amoras e mirtilos são muito consumidos aqui por casa, quer nos iogurtes, quer nos cereais do pequeno-almoço. Portanto, sim, é muito bom que existam pessoas que não desistem dos seus sonhos. Eu agradeço. Muitos agradecem.

    Um abraço, Alexandra.

    ResponderEliminar

Façam do meu espaço o vosso espaço, ousem comentar... eu ousarei responder! :)